Sobre
Rebecca Pacheco

Nascida e criada em Brasília, Distrito Federal, a artista começou a cantar aos 8 anos de idade na igreja. Sua família possuía outros sonhos para sua vida: se formar em Medicina ou qualquer outra profissão que a melhor remunerasse, mas, depois de cantar pela primeira vez, encontrou sua verdadeira paixão na música e nunca mais parou. Rebecca e seu avô tinham um acordo: ela o ensinaria a ler e ele a ajudaria com R$50,00 e, com este dinheiro, a artista comprou seu primeiro violão. A musicista ficava maravilhada quando via mulheres tocando violão, e foi a partir da cantora sertaneja Paula Fernandes, que se inspirou nesse novo processo. Com um talento nato, suas primeiras composições surgiram de forma natural e, então, começou a participar de eventos culturais e festivais da escola com suas autorias. Conquistando cada vez mais seu espaço no cenário musical, ganhou diversas premiações, concedeu uma entrevista para a TV Brasília e gravou algumas de suas composições em estúdio. Apaixonada por MPB, estuda música com muito amor e dedicação. Estudou canto Erudito, além de violoncelo, violino e piano no Instituto Reciclando Sons, uma instituição social da Cidade Estrutural – comunidade da região administrativa do Setor Complementar de Indústria e Abastecimento no Distrito Federal. Atualmente, é educadora de Musicalização Infantil, mas foi no Belting Contemporâneo que se encontrou, e foi com esta técnica vocal que a artista pôde expandir seus horizontes, podendo ensinar quem nunca teve contato com o canto a soltar a voz com segurança e beleza. Em parceria com seu esposo, músico extraordinário e Educador Social na mesma instituição, sua jornada tem sido mais leve. Sonham em conquistar seus maiores objetivos, provando que é possível ser feliz e realizar desejos fazendo o que se tem paixão, como a música e a arte em todas suas formas. É inegável o talento e determinação que a artista possui, e é através de sua música que almeja alcançar pessoas com sua voz e história. Além de poder inspirar sua cidade que possui jovens talentosos, mas que não detém a oportunidade necessária, ajudando sua família e representando “esse pedacinho de chão que é a Cidade Estrutural, provando que a favela pode sim vencer”.

Musicas de trabalho

Siga nas redes sociais
facebook instagram youtube
Fale conosco

Como podemos ajudar?

Validation error occured. Please enter the fields and submit it again.
Obrigado! Seu email foi enviado com sucesso.